Notícias

Grid List

Pelo nono ano consecutivo, nos próximos dias 25 e 26 de outubro, a Confederação Portuguesa do Yoga através da sua Delegação Regional do Algarve - ARYAL, organiza mais uma edição do evento “Mostra de Qualidade e Excelência - Yoga Algarve”, a ter lugar no Anfiteatro José Silvestre, no Instituto Superior de Engenharia, na Universidade do Algarve - Campus da Penha, em Faro.

A Associação Regional do Yoga do Algarve, arrogou-se de promotora destes encontros, nos quais se tem obtido resultados extraordinários, contando a cada ano com a participação de cada vez maior número de entidades, e recolhendo opinião de grande satisfação por parte dos participantes.

O Yoga Algarve tem como principais objetivos:

1- Identificar as empresas privadas, nas suas diversas áreas, que trabalham com Excelência e as empresas públicas de qualidade, bem como as Entidades Oficiais, e outras Instituições de Qualidade, e promover um encontro Anual, em Outubro, de modo a que os dirigentes dessas Empresas e Entidades se conheçam (bem como os seus trabalhadores), visando a criação de sinergias, cooperação, e massa crítica, para que o seu trabalho de excelência se consolide, intensifique e alargue.

2- Para que o Yoga, e as suas fantásticas possibilidades, possa ser conhecido, quer dos dirigentes, quer dos trabalhadores, promovendo a Saúde pessoal, a criatividade, a alegria no trabalho, a cooperação, a descontração, e o estimulo intelectual, diminuindo o absentismo.

A Confederação Portuguesa do Yoga possui mais de meia centena de Centros do Yoga espalhados pelo país, cinco dos quais no Algarve: Faro, Tavira, Quarteira, Albufeira e Lagos.

Neste ano, o evento, conta com a participação de distintas personalidades da sociedade Algarvia, nomeadamente, o Exmo. Sr. Dr. Rogério Bacalhau, Presidente da Câmara Municipal de Faro e a Exma Sra. Professora Doutora Alexandra Teodósio, Vice-reitora para a investigação e internacionalização da Universidade do Algarve, em representação do Reitor, que apoiam o conceito patente na organização desta Mostra, o que motivou a sua organização a continuar a apostar nesta dinâmica para uma realização anual que possa congregar cada vez mais participantes.

O programa desta Mostra contará com um ciclo de conferências, com diferentes temas; com a participação de várias entidades da região, que terão a oportunidade de apresentar os aspetos mais relevantes das suas atividades e projetos; e haverá a oportunidade de ter uma Aula do Yoga para Gestores.

Para mais informações contactar: ARYAL - Associação Regional do Yoga do Algarve - Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.tel: 289 813 136

Fonte: ARYALYogaAlgarve

 

 

O concerto de Niño de Elche "Colombiana" realiza-se no Teatro das Figuras em Faro, dia 18 de outubro, sexta-feira às 21h30.
Todo o flamenco é uma canção de ida e volta. Não apenas guajiras ou milongas, mas também a soleá e a seguiriya, romances, cabales, peteneras e pregones no vasto Caribe Afro-Andaluz. E o fandango, claro. Esta viagem é a mesma do açúcar, café, cacau, rum de cana e, também, da cocaína, ayahuasca ou LSD. Uma viagem que foi interrompida entre 1810 e 1898, fazendo com que o flamenco voltasse a ser como era antes.
Com este novo álbum, “Colombiana”, Niño de Elche procura dar continuidade a essa relação que era tão fluida, tão frutífera, tão florescente. Apesar de, desta vez, não se tratar de arqueologia, mas antes de antecipação: aqui encontramos o flamenco que vem a caminho. O flamenco do futuro está ao virar da esquina.
Organizado por Festival Verão Azul
 
Fonte: Mun de Faro
NinoDeElche1

A MamaMaratona 19 (MM 19) será organizada, pela primeira vez, em parceria com o Município de Loulé e irá integrar no evento “Algarve Tri Run 5.0”, que já decorre em Quarteira - Vilamoura há cinco anos e é composto por três modalidades diferentes: Triatlo longo, Meia Maratona e Mini Maratona. Para além destas novidades a Marcha/Corrida MM 19 manterá a tradição de continuar integrada no Calendário Regional de Marcha e Corrida do IPDJ.

A AOA espera chegar cada vez a mais pessoas e, por isso, apela à formação de grupos de amigos ou familiares para que no dia 27 de outubro, domingo das 10h00 às 13h00, venham ao “Passeio das Dunas”, um Passeio Marítimo, entre Quarteira e Vilamoura e façam parte desde movimento por uma causa maior: uma iniciativa pela Vida!

Todas as informações relativas a inscrições, programa e regulamento do evento, serão divulgadas atempadamente, no site da Mamamaratona: http://aoa.pt/mamamaratona/

PARTICIPA, Corre por esta causa. Corre para Vencer!

Fonte: AOAMamamaratona2019

Conferência "A revolução portuguesa de 1974-76 uma democracia diferente" pelo Prof. Doutor Manuel Loff e apresentação pelo Doutor David Luna de Carvalho, realiza-se no dia 19 de outubro, sábado às 18h00, na Biblioteca Municipal de Lagoa(Algarve).

O 25 de Abril foi uma revolução, naturalmente, mas uma revolução portuguesa, isto é, foi a consequência lógica dos últimos 15 anos da ditadura salazarista (1926-74), marcados por mudanças socioeconómicas estruturais (industrialização, terciarização, urbanização) e pela Guerra Colonial (1961-74) que propiciaram, em conjunto, a repolitização geral da sociedade.

A Revolução que o 25 de Abril criou um modelo de democratização por rutura que se diferencia claramente de outros processos que lhe foram contemporâneos, e alguns posteriores, todos caracterizados por serem processos acordados entre segmentos das oposições democráticas com as elites dos regimes ditatoriais a que se procurava pôr fim. Em 1974-76, em Portugal, houve não apenas uma rutura política, mas também o derrube/substituição de elites políticas, económicas e sociais, e um processo de rutura económica marcada por mudanças fundamentais na estrutura da propriedade, num ambiente marcado pela hegemonia ideológica de uma cultura emancipatória, antiautoritária, antifascista, de reivindicação aberta de valores socialistas que acabaram por se inscrever no texto da Constituição.

O processo democratizador português de 1974-76 caracteriza-se por uma dupla legitimidade: uma de natureza militar revolucionária (sobretudo pelo papel dos movimentos sociais e do próprio MFA, que acabou por se transformar em movimento sociopolítico com um papel institucional naturalmente central) e eleitoral. A democracia portuguesa tem, portanto, uma origem revolucionária cuja natureza foi amplamente confirmada em eleições democráticas e por ter conseguido, apesar de todas as divisões que perpassavam a sociedade portuguesa, por um muito amplo consenso constitucional e para constitucional (por exemplo, a legislação económica e social do período revolucionário), agrupando as esquerdas radicais, os comunistas, os socialistas e a direita moderada que se fazia representar no PPD.

Fonte: GC do Mun Lagoa(Algarve)RevolucaoDemocraciaLagoa

 

O Dia Nacional da Água, assinado a 1 de outubro, inspirou um programa de atividades de educação e sensibilização ambiental, que está ser dinamizado no município São Brás de Alportel, que integra ações realizadas nas escolas do primeiro ciclo e desafios para o público em geral, que visam sensibilizar para a importância do uso responsável deste recurso natural e limitado

A poupança de água, desafio maior da atualidade, quando se assiste ao acentuar da situação de seca extrema na região algarvia, é o grande objetivo de todo este programa. Em todas as escolas do concelho, aliás, foram afixados painéis com mensagens a apelar à poupança de água, realizados tendo por base desenhos e mensagens elaborados por crianças. 

O programa de atividades, dinamizado pelo Serviço de Educação Ambiental do Município de São Brás de Alportel, está incluído no Plano Municipal de Poupança de Água e incluiu, para além da distribuição de materiais informativos, a colocação destas placas informativas nas escolas do primeiro ciclo com vista à sensibilização desde tenra idade para a importância de utilizar a água de forma consciente e eficiente.

O Centro de Interpretação e Educação Ambiental “Quinta do Peral” está ainda a realizar jogos didáticos junto das camadas mais jovens que permitam aprender de forma divertida as simples mas vitais regras de preservação e bom uso da água, o recurso natural mais precioso.

À população são-brasense foi lançado o convite para uma visita à Estação de Tratamento de Águas de Tavira que vai permitir perceber todo o percurso e processos necessários para que tenhamos água potável nas torneiras de cada casa. A visita  realizou-se quinta-feira, 10 de outubro, com início às 14h00. 

Fonte: GI da CM SBADiaAguaEscolaSBA1DiaAguaEscolaSBA2

A Associação Turismo do Algarve irá apoiar uma Fam Trip do mercado indiano, de 16 a 19 de outubro, organizada pela Wedding Planner "Aonde Casar", através da oferta de uma atividade com o objetivo de aumentar a captação de casamentos e eventos românticos desse mercado.

Mais informações sobre a Wedding Planner "Aonde Casar": www.aondecasar.com.br/en/ 

Produto: Casamentos
Mercado: Índia

Fonte: ATAATA

 

A Guarda Nacional Republicana (GNR) vem realizando, desde o dia 15 de janeiro e até ao dia 6 de dezembro, em todo o Território Nacional, a operação "Floresta Segura 2019", através do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) e da Unidade de Emergência, Proteção e Socorro (UEPS), a qual integra várias fases, desde o planeamento e execução de ações de sensibilização e de fiscalização, no que diz respeito às faixas de gestão de combustível, até ao reforço de patrulhamento e vigilância, para prevenir comportamentos de risco, assim como detetar e combater incêndios rurais, com a finalidade de garantir a segurança das populações e do seu património e salvaguardar o tecido florestal nacional.

Desde o dia 15 de janeiro, até ao dia 10 de outubro, data em que terminou o período crítico do Sistema de Defesa da Floresta contra Incêndios, a GNR já realizou cerca de 6 200 ações de sensibilização, alcançando mais de 122 mil pessoas, com o objetivo de alertar para a importância de um conjunto de procedimentos preventivos a adotar, nomeadamente, sobre o uso do fogo, a limpeza e remoção de matos e a manutenção das faixas de gestão de combustível. Estas ações privilegiaram o contacto pessoal, através de iniciativas em sala, dirigidas a autarcas, produtores florestais, comunidade escolar, agricultores, associações e população em geral.

A Guarda continuará a levar a cabo ações de rua e porta-a-porta, tendo já sido efetuadas, só este ano, cerca de 50 700 patrulhas e percorridos mais de 3,3 milhões quilómetros, com o empenhamento de militares do SEPNA, da UEPS e dos Postos Territoriais.

Relativamente à fiscalização, a mesma vem incidindo sobre as situações identificadas no levantamento efetuado numa primeira fase, tendo a GNR elaborado 6 337 autos de notícia por contraordenação, devido à falta de gestão de combustível (limpeza de terrenos), nos termos do art.º 15 do Decreto-lei n.º 124/2006, de 28 de junho. A acrescentar a estas infrações, a Guarda registou ainda 854 autos de notícia por contraordenação por incumprimentos das normas para a realização de queimas e queimadas, nos termos dos art.º 27 e 28, do mesmo diploma.

Desde o arranque da operação, até ao dia 10 de outubro, a GNR registou 6 014 crimes de incêndio florestal, tendo resultado na detenção de 54 pessoas e na identificação de outras 535.

Saliente-se, ainda, o facto de que 26 % dos primeiros e segundos alertas por incêndio terem sido dados pela Rede Nacional de Postos de Vigia da GNR, permitindo desta forma dar uma resposta mais célere e eficaz no combate aos incêndios.

A proteção de pessoas e bens, no âmbito dos incêndios rurais, vai continuar a assumir-se como uma das prioridades da GNR, sustentada numa atuação preventiva, com o envolvimento de toda a população e demais entidades públicas e privadas, facto que permitiu, em 2018, comparativamente com 2017, reduzir em 40% as ocorrências de incêndio e a área ardida em mais de 92%.

Fonte: GNR-DCRPGNROFlorestaSegura

A Unidade de Ação Fiscal, através do Destacamento de Ação Fiscal do Porto, no dia 9 de outubro, apreendeu 13 mil litros de produtos químicos e 24 380 cigarros, no âmbito da operação "Escape Limpo", no Porto e em Braga.

Na sequência de uma investigação que decorria há cerca de seis meses, com a finalidade de desmantelar uma rede ilegal que se dedicava à distribuição e venda a consumidores finais de produtos com características carburantes, foram cumpridos 34 mandados de busca, das quais 25 domiciliárias e nove em armazéns e veículos, tendo sido apreendido o seguinte material:

  • 13 mil litros de produtos químicos, que eram usados como combustível;
  • 24 380 cigarros, produto resultante da comercialização ilícita de combustíveis;
  • 3 mil euros em numerário.

Os produtos químicos apreendidos eram utilizados como substitutos da gasolina para abastecer veículos, escapando desta forma à respetiva tributação.

Ainda no seguimento da ação foram identificados quatro homens, com idades compreendidas entre os 30 e 55 anos, e duas empresas com atividade na comercialização de produtos químicos. Os suspeitos foram constituídos arguidos e indiciados da prática do crime de introdução fraudulenta no consumo de produtos sujeitos a Imposto Sobre Produtos Petrolíferos e Energéticos, tendo os factos sido remetidos ao Tribunal Judicial de Braga.

A operação teve a colaboração de uma equipa especializada em matérias perigosas da Unidade de Emergência, Proteção e Socorro da GNR e da Entidade Nacional para o Setor Energético (ENSE).

Fonte: GNR-UAFGNREscapeLimpo

Portugal vai celebrar pela primeira vez a Semana da Sensibilização para a Malnutrição entre os dias 14 e 20 de outubro. Trata-se de uma iniciativa de consciencialização para os elevados números da malnutrição promovida pela Associação Portuguesa de Nutrição Entérica e Parentérica (APNEP). Tem como parceiro científico a congénere britânica BAPEN (British Association for Parenteral and Enteral Nutrition) e encontra-se integrada na campanha internacional ONCA (Optimal Nutritional Care for All).

O principal objetivo desta ação será alertar os profissionais de saúde, os doentes e os cuidadores para as graves carências na área da malnutrição, seja em ambiente hospitalar, seja em ambulatório e no domicílio e que atingem cerca de 115 mil doentes, 1% da população portuguesa. Pretende ainda, educar para a identificação e tratamento precoces da malnutrição; educar os doentes/cuidadores para que possam discutir o seu estado nutricional com o seu profissional de saúde e aumentar a sensibilização para o papel da nutrição clínica na recuperação do doente.

Para o presidente da APNEP, Anibal Marinho, “é uma honra colocar Portugal no mapa dos países que assinalam a semana de sensibilização para a malnutrição. A parceria com a BAPEN e o ONCA, são a prova de como Portugal está a dar um importante passo para a melhoria do rastreio nutricional e acesso equitativo à terapêutica nutricional”.

O principal veículo de divulgação da Semana da Sensibilização para a Malnutrição será a página da APNEP e os meios de comunicação digitais e redes sociais de todos aqueles que se quiserem juntar a esta ação e partilhar as mensagens: profissionais de saúde, cuidadores, doentes e população em geral.

Esta iniciativa surge no âmbito da comemoração do Dia Mundial da Alimentação promovida pela FAO, que no presente ano tem como tema “Achieving Zero Hunger”.

Em Portugal, 2 em cada 4 dos doentes internados estão em risco nutricional, condição que está fortemente associada ao aumento da mortalidade e morbilidade, ao declínio funcional, e à permanência hospitalar prolongada, levando a um aumento dos custos em saúde para o estado.

Fonte: LPMMalnutrio

  • Segundo a plataforma de reservas TheFork, em Santa Cruz o crescimento do número de reservas rondou os 600% e em Setúbal e nos Açores atingiram cerca de 300% de aumento face ao verão do ano passado.
  • Os tipos de cozinha em destaque junto dos consumidores são a cozinha portuguesa (30%), a internacional (10%) e a japonesa (7%). O gasto médio por refeição é de 27€.
  • Está a decorrer a quarta edição do TheFork Fest até 3 de novembro de 2019. A iniciativa do TheFork disponibiliza mais de 200 restaurantes participantes com oferta de 50% de desconto em toda a carta em 9 regiões: Lisboa, Porto, Algarve, FunchalCoimbra, Braga, Setúbal, Caldas da Rainha e Leiria.

O TheFork, a principal plataforma de reservas de restaurantes on-line na Europa, Austrália e América Latina, revelou que neste verão as reservas de restaurantes cresceram 55% face ao período homólogo do ano passado.

Crescimento a atingir valores que rondam os 600%:

Os locais que mais aumentaram o número de reservas durante esta época, face ao verão de 2018, foram Santa Cruz, Setúbal, Açores, Olhão e Portimão. Em Santa Cruz o crescimento rondou os 600% e em Setúbal e nos Açores cerca de 300%, fruto da crescente digitalização do setor da restauração nas regiões em questão. De todas as zonas que mais cresceram, a região do Algarve foi aquela que onde se sentiu um desenvolvimento mais amplo com Olhão (202%), Portimão (160%), Loulé (82%), Faro (78%), Albufeira (66%), Carvoeiro (65%) e Monte Gordo (63%) a refletirem o impacto da época balnear. Destaque ainda para o Alentejo nas regiões de Portalegre (152%) e Évora (79%).

Lisboa concentra os restaurantes mais reservados do verão, tais como: o “Palácio Chiado”, o “Laurentina – Rei do Bacalhau”, o “Seen”, o “Contrabando Restaurante e Bar” e o “Bistro 100 Maneiras”, o “Espada”, o “Baía do Peixe”, o “Yakuza First Floor”, o “DesNorte”, o “Frade Dos Mares”, “The Decadente Restaurante & Bar”, o “Capitô à Mesa – Panorâmico”, a “Sala de Corte” e “A Casa do Bacalhau”. Exceção feita no Porto com destaque para o restaurante “Cafeína” que completa o top 15 de espaços mais reservados no verão de 2019. 73% do total das reservas foram feitas através da aplicação do TheFork.

O jantar continua a ser a refeição de eleição a nível nacional na plataforma do TheFork, correspondendo a 77% do total das reservas. 25% dos utilizadores já reservam as suas opções gastronómicas favoritas com 48h de antecedência. No que diz respeito ao preço médio da refeição reservada através do TheFork, este ronda os 27€.

Os dias com mais reservas continuam a ser sexta-feira e sábado (16% cada), porém neste verão reconhece-se uma aproximação da procura dos restantes dias ao longo da semana, nomeadamente: domingo e segunda-feira (12% cada), terça-feira (14%) e, por fim, quarta e quinta-feira (15% cada). Os tipos de cozinha que se destacam na eleição dos paladares dos portugueses são a cozinha portuguesa (30%), a internacional (10%) e a japonesa (7%).

“É interessante avaliar como a digitalização e as aplicações têm desempenhado um papel fundamental no crescimento do setor da restauração em Portugal. Esperamos que as tendências do verão continuem ao longo do ano e que o melhor da gastronomia torne-se cada vez mais acessível a todos”, refere Sérgio Sequeira, Country Manager do TheFork em Portugal.

Está a decorrer a quarta edição do TheFork Fest até 3 de novembro de 2019. A iniciativa do TheFork disponibiliza mais de 200 restaurantes participantes com oferta de 50% de desconto em toda a carta em 9 regiões: Lisboa, Porto, Algarve, Funchal Coimbra, Braga, Setúbal, Caldas da Rainha e Leiria.

Fonte: HK StrategiesTheFork

Investigação da Universidade de Aveiro. As queimadas de resíduos agrícolas prejudicam a qualidade do ar, contribuindo para o aquecimento global, e são um perigo para a saúde pública. As conclusões são de um estudo da Universidade de Aveiro (UA) que, pela primeira vez, estudou em Portugal as consequências para o ambiente e para a saúde do fumo das queimadas ao ar livre provenientes dos restos das podas de árvores.

“As queimas possuem um efeito significativo na qualidade do ar a nível local e regional, contribuindo para algumas das excedências aos valores limites impostos na legislação”, aponta Célia Alves, investigadora do Centro de Estudos do Ambiente e do Mar, uma das unidades de investigação da UA.

O estudo refere ainda que “a influência no clima representa também um dos impactos das queimas de resíduos agrícolas, devido à emissão de gases com efeito de estufa e a sua consequente contribuição para o aquecimento global”.

Em relação à saúde humana, a “inalação de fumo constitui um perigo”. Este é um alerta que está a ser confirmado em laboratório com a exposição de células do pulmão humano aos compostos químicos contidos nas partículas de fumo emitidas: “A viabilidade celular, determinada através de um ensaio colorimétrico que permite avaliar a atividade metabólica das células, diminuiu com a exposição”. Em colaboração com o Departamento de Biologia da UA, Estela Vicente, estudante de doutoramento orientada por Célia Alves, está ainda a avaliar os processos inflamatórios, o stress oxidativo e os danos genéticos em células de pulmão humano quando expostas aos constituintes químicos extraídos das partículas emitidas durante as queimas.

Centenas de compostos perigosos

A equipa centrou-se na análise química detalhada das partículas e dos gases emitidos durante a queima de ramos de videira, de oliveira, de salgueiro e de acácia. No laboratório, a equipa da UA encontrou centenas de compostos distintos, tais como hidrocarbonetos, álcoois, ácidos, açúcares, esteróis, fenóis, metano, etano, etileno e formaldeído.

Apesar de não haver estatísticas oficiais do número de queimas realizadas anualmente em Portugal, Célia Alves estimou que a queima de vides representava uma emissão total anual de 380 mil toneladas de Dióxido de Carbono, de 12 mil toneladas de Monóxido de Carbono e de 3,3 mil toneladas de partículas inaláveis.

Em relação aos valores para as queimas os restos das podas das oliveiras, a investigadora estima uma libertação anual para a atmosfera de 316 mil toneladas de Dióxido de Carbono, de 18 mil toneladas de Monóxido de Carbono e de 3,4 mil toneladas de partículas.

“Estas estimativas devem ser tomadas como valores máximos, uma vez que uma parte dos resíduos produzidos, apesar de minoritária, não é queimada”, explica a cientista.

Resíduos podiam ajudar à economia circular

Apesar dos resíduos de poda terem potencial para serem convertidos em energia, “os altos custos de transporte e processamento, a produção intermitente e os problemas operatórios gerados durante a combustão em unidades de grande escala, tornam a sua utilização economicamente inviável”. Também a “presença de teores elevados de metais alcalinos nestes resíduos origina normalmente emissões elevadas de partículas e gases ácidos e a formação de incrustações e depósitos nas superfícies onde ocorre transferência de calor”.

Assim, aponta Célia Alves, “devem procurar-se soluções alternativas de pequena escala que representem um nicho de oportunidade para as comunidades rurais”. A transformação dos resíduos de poda numa “opção viável para aquecimento residencial permitiria reduzir os custos energéticos, tornando estas comunidades mais autossuficientes”, há semelhança do que já acontece em autarquias rurais de alguns países onde têm sido testadas e implementadas soluções direcionadas para a produção de pellets para aquecimento doméstico. Antes da pelletização, os resíduos são primeiro lixiviados com água para remover o excesso de metais alcalinos e depois secos. O lixiviado pode ser usado para rega, uma vez que é rico em nutrientes.

“Uma outra solução implementada nalguns países consiste na recolha pelos serviços municipais deste tipo de resíduos, na trituração em equipamentos adequados e no encaminhamento para centrais de compostagem, obtendo-se um material estável, rico em substâncias húmicas e nutrientes minerais para adubar e melhorar as propriedades do solo”, refere.

Ultimamente, diz, alguns grupos de investigação têm-se dedicado também ao estudo da transformação da biomassa residual de atividades agrícolas em biocarvão, através do processo de pirólise lenta, e à introdução deste produto nos solos. “Há indicações de que o biocarvão, para além de ser sequestrador de Dióxido de Carbono, aumenta a matéria orgânica e melhora a biologia do solo, a retenção de nutrientes e de água”, explica Célia Alves.

Fonte: Universidade AveiroInvestigadoraCeliaAlves

A UNICEF lança hoje uma campanha de televisão e internet para angariar donativos para a prevenção e acompanhamento de bebés prematuros e das suas famílias. Os donativos angariados com esta campanha serão usados em programas de sobrevivência infantil em todo o mundo.

Com a hashtag “Ligados à Vida” o spot de 30” conta a história de ‘Blessing’, uma bebé tanzaniana que nasceu prematura e que a UNICEF ajudou a salvar através de uma Unidade de Cuidados Intensivos de Neonatologia.

A campanha vai estar no ar de 7 a 27 de Outubro em televisão e canais digitais. Para ajudar e contribuir para esta causa, os portugueses só têm que ligar para o 760 100 215 (chamada de valor acrescentado – €0,60 + IVA) ou visitar o site www.unicef.pt.

Todos os anos 2,6 milhões de bebés morrem antes de fazerem 1 mês e mais 2,6 milhões já nascem mortos. Mais de 80% das mortes de bebés recém-nascidos acontecem por prematuridade, complicações durante o parto e infecções como sépsis, meningite e pneumonia. São milhões de vidas que podiam ser salvas todos os anos se estas mães e os seus bebés tivessem acesso aos cuidados necessários, a uma boa alimentação e a água potável.  

Com os donativos desta campanha, a UNICEF pretende ajudar a prevenir e a reduzir a prematuridade através de:

  • Instalações: Criação e reforço de unidades de cuidados intensivos de Neonatologia limpas e funcionais;
  • Pessoas: Formação de equipas médicas em situações de emergência e triagem adequada durante visitas pré e pós-natais;
  • Produtos: Aquisição de equipamento e medicamentos, incluindo aquecedores eléctricos para bebés e máquinas de respiração de oxigénio;

Para além de apoio médico especializados, novas instalações, medicamentos, equipamento e material médico, os donativos angariados com esta campanha de sensibilização servirão, ainda, para prestar acompanhamento psicológico às famílias de bebés prematuros.

Fonte: UNICEFUnicef1

 

No sentido de posicionar o Algarve como um destino up-scale, com diversas mais valias consideradas luxury assim como de destino com excelente relação de value for money, a ATA irá participar no Private Luxury Forum, a ter lugar em Porto Montenegro, Montenegro, dedicado principalmente aos mercados Europeus, de 16 a 19 de outubro.

Este evento caracteriza-se pela escolha criteriosa de buyers deste segmento, conseguindo assim que os suppliers durante os quatro dias de programa de actividades e de reuniões one-to-one, se reúnam apenas com os melhores luxury travel designers, lifestyle management experts e "upmarket travel agencies" de todo o mundo (na sua grande maioria da Europa), contando com cerca de 300 pessoas entre luxury buyers e suppliers.

Produto: Sol e Mar
Mercado: Multimercados

Fonte: ATAATA

 

A Associação Turismo do Algarve (ATA) volta a marcar presença no IGTM - International Golf Travel Market - a ter lugar em Marraquexe, Marrocos, de 14 a 17 de outubro.

No espaço organizado pela ATA, marcam presença 27 empresas associadas: Amendoeira Golf Resort, Benamor Golf, Boavista Golf , Cascade Resort, Castro Marim Golf & Resort, Conrad Hotel, Dom Pedro Golf, Domitur, Espiche Golf, Hilton Hotel, JJW Hotels, Minor/Tivoli Hotels, Monte da Quinta Hotel, Monte Rei Golf & Resort, NAU Hotels & Resorts, Palmares Golf & Resort, Pestana Golf, Pestana Hotels & Resorts, Pine Cliffs Hotel & Resort, Quinta da Ria/Robison, Quinta do Lago Golf & Resort, Quinta do Lago Hotel,  Quinta do Vale Golf, Vale do Lobo Resort, Vidamar Hotels, Vila Galé Hotels.

Para informações adicionais consultar o website do evento: www.igtmarket.com

Produto: Golfe
Mercado: Multimercados

Fonte: ATAATA

 

A Unidade de Controlo Costeiro, através de militares destacados desde abril na ilha de Samos, no âmbito da missão da Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira (FRONTEX), ontem, dia 9 de outubro, detetou e resgatou 17 migrantes, a este da Ilha de Samos – Grécia.

No decorrer de uma ação de patrulhamento, os militares da GNR detetaram uma embarcação de borracha a 2 milhas náuticas da costa, com cerca de 5 metros e com excesso de lotação. De imediato, os militares da GNR intercetaram a embarcação, realizando o resgate de 17 pessoas, das quais duas crianças, seis mulheres, e nove homens. De salientar que o resgate foi efetuado em ambiente noturno e frio, tendo os militares verificado que os ocupantes da embarcação se encontravam molhados e, em alguns casos, em risco de entrar em hipotermia, pelo que, durante o transporte, foram providenciadas mantas térmicas. Dois dos migrantes, uma grávida e um idoso, apresentavam-se especialmente debilitados, tendo sido, imediatamente após o resgate, encaminhados para o Hospital de Vathy.

Durante o resgate, os migrantes foram colocados na embarcação portuguesa e transportados em segurança para o Porto de Vathy, sendo entregues às autoridades helénicas.

Só no presente ano de 2019, e até ao momento, a GNR efetuou mais de 900 patrulhas, o que corresponde a mais de 5700 horas de empenhamento, tendo detetado mais de 220 embarcações e auxiliado 2197 migrantes.

Com a finalidade de prevenir, detetar e reprimir ilícitos relacionados com a imigração ilegal, tráfico de seres humanos e outros crimes transfronteiriços, a GNR contribui, a par da Polícia Marítima, para o empenhamento de Portugal na salvaguarda de vidas humanas no mar Egeu.

Fonte: GNR-DCRPGNRresgateIlhaSamos

No âmbito da estratégia promocional para 2019 a ATA participa pela primeira vez na TTG, feira de turismo que decorre de 9 a 11 de outubro, na cidade de Rimini, em Itália.

Organizada anualmente apenas para profissionais do sector, a TTG Travel Experience é a principal feira B2B do país. Durante os três dias do evento haverá mais de 2.000 expositores, 300 eventos, seminários, training courses, apresentações e atividades promocionais.

Produto: Sol e Mar
Mercado: Itália

Fonte: ATAItaliaTTGATA

 

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através de militares destacados na ilha de Samos-Grécia, no âmbito da missão da Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira (FRONTEX), ontem, dia 1 de outubro, resgatou 31 migrantes, no mar Egeu.

Durante uma ação de patrulhamento, os militares da GNR detetaram uma embarcação de borracha que transportava migrantes, a norte da ilha de Samos, a cerca de cinco milhas náuticas de distância do Porto de Vathy. De imediato dirigiram-se para o local, intercetando um barco com cerca de 6 metros, no qual seguiam 31 migrantes a bordo, dos quais 7 crianças, 4 mulheres e 20 homens.

No momento de aproximação à embarcação, os militares verificaram que parte dos migrantes se encontrava em risco de entrar em hipotermia, pelo que foram providenciadas mantas térmicas, produtos alimentares e águas . Os militares resgataram todos quantos se encontravam na embarcação, efetuando o seu transbordo para a embarcação da GNR, dando prioridade às crianças.

Após o resgate, os migrantes foram transportados, em segurança, para o Porto de Pythagorio e entregues às autoridades gregas.

Só no presente ano de 2019, e até ao momento, a GNR efetuou mais de 800 patrulhas, o que corresponde a mais de 5100 horas de empenhamento, tendo detetado 220 embarcações e auxiliado 2140 migrantes.

Com a finalidade de prevenir, detetar e reprimir ilícitos relacionados com a imigração ilegal, tráfico de seres humanos e outros crimes transfronteiriços, a GNR contribui, a par da Polícia Marítima, para o empenhamento de Portugal na salvaguarda de vidas humanas no mar Egeu.

Fonte: GNR-DCRPGNR31Migrantes

 

Integrada no stand de Portugal, em representação do destino e dos seus Associados, a ATA participa na edição de 2019 da Top Resa, de 1 a 4 de outubro, a principal Feira de Turismo da França, que terá lugar em Paris e onde se prevê a visita de cerca de 32.000 profissionais.

No primeiro semestre de 2019, o mercado Francês manteve a tendência de crescimento (embora desacelerando esta curva), na ordem dos 3,4%, posicionando-se como o 5º mercado para o Algarve relativamente ao número de Hóspedes, com mais 4.352 hóspedes, comparativamente ao período homólogo (Janeiro-Junho). Quanto ao número de dormidas, houve um crescimento de 0,9% face a 2018, correspondendo a 508.008 dormidas, mais 4.556.

Produto: Sol e Mar
Mercado: França

Fonte: ATAIftmFranca

 

Este fim de semana vai ser de emoções fortes com o regresso à estrada do Rally Município de Albufeira. Devido à realização da prova, a Avenida dos Descobrimentos irá estar vedada ao trânsito, no sábado, 12 de outubro, do cruzamento dos Bombeiros à rotunda dos Relógios, entre as 20h00 e as 23h30. No domingo, 13 de outubro, a competição ruma às freguesias de Paderne, Ferreiras e Guia, para três Provas Especiais de Classificação.

Também aqui há que estar atento porque vai haver cortes de trânsito, nos troços cronometrados, entre as 8h00 e as 14h30. Organizado pelo Clube Automóvel do Sul com o apoio da Câmara Municipal, o Rally Município de Albufeira é a sexta prova a contar para o Campeonato Sul de Ralis, que este ano, inclui também o 2º desafio Kumbo Tyre.

O Rally Município de Albufeira tem início este sábado, 12 de outubro, com uma Super Especial noturna, às 21h00, entre o cruzamento dos Bombeiros de Albufeira e a rotunda dos Relógios, numa extensão de 2,38 quilómetros, em plena Avenida dos Descobrimentos. A novidade este ano é a exibição de Drift e um Desfile de Automóveis Clássicos a partir das 22h30.Devido à realização do evento, a Avenida vai estar encerrada ao trânsito, nos dois sentidos, entre as 20h00 e as 23h30, no troço onde está a decorrer a competição.

No domingo dia 13, serão disputadas mais três Provas Especiais de Classificação (PEC) entre a estrada do Algoz e a estrada de Tunes (Guia), em Canais (Ferreiras) e em Alcaria (Paderne), que serão percorridas três vezes cada. Na Guia, o Rally irá passar às 10h00, 11h27 e 13h26; em Ferreiras às 10h18, 11h45 e 13h44 e em Paderne às 10h39, 12h06 e 14h05.Refira-se que também estas estradas vão estar interditas ao trânsito, nos troços cronometrados, entre as 8h00 e as 14h30, nas seguintes localizações: Guia – início junto à Rua do Imigrante, Vale Verde, Monte do Cristina, Rua do Poço das Canas e Poço das Canas; Ferreiras – Rua das Texugueiras, Canais, Canais de Silves e Charneca e Paderne – Monte dos Elóis, Alcaria, Estrada dos Barreiros, Lentiscais, EM 1173 e Ribeira de Alte.

A entrega dos prémios irá ter lugar no domingo, a partir das 16h00, no pódio instalado em frente ao edifício da Câmara Municipal de Albufeira. 

Fonte: GRP da CM AlbufeiraRallyAlbufeira

 

A Praia da Rocha recebe a quarta e última prova do circuito OCR POLICE CHALLENGE, dia 27 de outubro, às 9h30.

Esta promete ser uma corrida de obstáculos com muita lama, areia, tiro, rastejo, água, salto e, acima de tudo, trabalho em equipa, com momentos únicos de superação pessoal, individualmente e em equipa.

Vem conquistar Portimão - Inscrições abertas »»

Fonte: Mun de PortimãoPraiaRochaCorrida1

 

O Campeonato Sul de Ralis volta à estrada para a sexta prova, disputada em asfalto. No fim de semana de 12 e 13 de outubro, o Rally Município de Albufeira vai passar pelo centro da cidade com uma Super Especial noturna na Avenida dos Descobrimentos para depois rumar às freguesias de Paderne, Ferreiras e Guia para mais três Especiais de Classificação.

Este ano há novidades! Depois da Super Especial, a Av. Dos Descobrimentos vai ser palco de uma exibição de Drift e de um desfile de automóveis clássicos. A não perder!

O Rally Município de Albufeira vai para a estrada nos dias 12 e 13 de outubro, com organização do Clube Automóvel do Sul e apoio da Câmara Municipal de Albufeira. Esta é uma prova a contar para o Campeonato Sul de Ralis, que integra o calendário da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting. Este ano, a prova inclui também o 2.ºDesafio KUMHO TYRE.

A competição tem início no sábado, 12 de outubro, com uma Super Especial noturna, às 21h00, entre o cruzamento dos Bombeiros de Albufeira e a Rotunda dos Relógios, numa extensão de 2,38 quilómetros, em plena Avenida dos Descobrimentos. A novidade para este ano é a exibição de Drift e o Desfile de Automóveis Clássicos a partir das 22h30.

No dia 13, domingo, serão disputadas mais três Provas Especiais de Classificação (PEC) entre a estrada do Algoz e a estrada de Tunes (Guia), em Canais (Ferreiras) e em Alcaria (Paderne), e serão percorridas três vezes cada. Na Guia, o Rally passará às 10h00, 11h40 e 13h40; em Ferreiras, às 10h15, 12h00, 14h00; e em Paderne às 10h35, 12h20 e 14h20. A entrega de prémios terá lugar no pódio em frente à Câmara Municipal, pelas 16h00.

Para mais informações aceder a http://www.clubeautomoveldosul.pt/RALIS/ralis.html

ou https://www.facebook.com/clubeautomoveldeportimao

Fonte: GRP do Mun AlbufeiraRallyAlbufeira

 

 

A XXII Subida Internacional do Rio Arade em Canoagem terá lugar no próximo dia 27 de outubro. A iniciativa é promovida pelo Clube Naval de Portimão em parceria com os Municípios de Silves, Lagoa e Portimão e conta com o apoio da Federação Portuguesa de Canoagem e da Associação Regional de Canoagem do Algarve.

Esta prova de 12 km, que alia turismo náutico e competição, é dirigida a Clubes e Associações. O local de partida será a zona ribeirinha de Portimão, junto ao Clube Naval, às 10h00 para turismo náutico e às 10h30 para a vertente de competição. O evento terminará em Silves.

As inscrições terminam dia 15 de outubro.

O Clube Naval de Portimão disponibiliza os seguintes contactos para efeitos de inscrição e fornecimento de informações adicionais: tel.: 282 417 529 | email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Fonte: GRP do Mun SilvesCanoagemSubidaRioArade

A Sicasal Constantinos venceu a prova de velocidade por equipas do Festival de Pista de Tavira. O evento realizou-se este sábado nesta cidade Algarvia e encerrou o calendário competitivo de estrada da Federação Portuguesa de Ciclismo.

Daniel Silva, Wilson Esperança e Miguel Salgueiro formaram o trio de conquistadores de um resultado histórico para a equipa de Torres Vedras, que alcançou a primeira vitória coletiva perante o pelotão profissional e escreveu mais uma página de sucesso no seu percurso de formação de jovens talentos do ciclismo nacional.

Com o triunfo na prova algarvia, a equipa sub-23 da Academia Joaquim Agostinho/UDO termina a temporada no lugar mais alto do pódio, a mesma forma como a iniciou quando em fevereiro conquistou a vitória individual e coletiva entre as equipas de clube na prova de abertura realizada em Aveiro.  

Na pista do Ginásio Clube de Tavira houve ainda lugar a competições individuais de scratch e eliminação, disciplinas onde Miguel Salgueiro acabou por ser o atleta da equipa em maior evidência. O ciclista de Odivelas foi 8º classificado na prova que levou os participantes a dar 100 voltas à pista (scratch) e ficou perto do pódio na eliminação ao ser o 4º mais resistente em prova. Wilson Esperança também se destacou ao vencer a 67ª volta da prova de scratch. O ciclista de Alcobaça concluiu o exercício na 35ª posição. Diogo Sardinha (16º) e Daniel Silva (19º) foram os outros representantes "torrienses" nesta disciplina. Na prova por eliminação, Daniel Silva resistiu a 30 sprints e terminou como o 7º mais forte. A resistência de Wilson Esperança e Diogo Sardinha durou 9 e 5 sprints respetivamente, uma prestação que lhes rendeu a 28ª e 32ª posição na prova.

Iúri de Bronze na Suíça

Iúri Leitão esteve ao serviço da Equipa Portugal nos "3 Dias d´Aigle", evento de pista realizado no Centro Mundial de Ciclismo da UCI sediado nesta cidade Suíça.

O ciclista vianense fez dupla com o sportinguista César Martingil para alcançar a 5ª posição na geral da disciplina de madison. No campo individual, Leitão alcançou dois terceiros lugares, um no exercício de omnium e outro em scratch.

Fonte: Academia Joaquim AgostinhoTaviraCiclismoDanielMiguelTaviraCiclismoDanielSalgueiroSardinhaTaviraCiclismoWilsonSalgueiroTaviraCiclismoIuriLeitao

 

O Município de Tavira celebrou com a Casa do Povo de Santo Estêvão, o Clube de Vela de Tavira e o Tavira Natação Clube uma parceria tendo em vista a implementação do Plano de Promoção da Atividade Física do concelho de Tavira – Todos em Movimento (PPAF – TM), para o período de 2019-20.

Este Plano, num investimento de €91.700,00, visa dar resposta às orientações firmadas na Estratégia Nacional para a Promoção da Atividade Física, Saúde e Bem-Estar.

Neste sentido, e de forma a coordenar todos os projetos e fazer o aconselhamento e encaminhamento da população, está disponível o Gabinete Municipal de Promoção da Atividade Física do Concelho, no Pavilhão Municipal Dr. Eduardo Mansinho.

Os projetos, gratuitos e diversificados, abrangem públicos com faixas etárias distintas, designadamente:

- Crescer em Movimento: crianças e jovens, desde o pré-escolar até aos 18 anos;

- Põe-te a Mexer: adultos dos 18 aos 55 anos. Inclui os projetos Gimnasticando (aulas bissemanais de ginástica de manutenção e aeróbica), Tavira ConVid’a a Pedalar (passeios guiados de bicicleta), Atividade Física Adaptada (cidadãos portadores de algum tipo de deficiência) e XutosN’Bola (grupos informais de futsal);

- Viva +: adultos com mais de 55 anos. Inclui ActiveSenior (aulas bissemanais de ginástica de manutenção e hidroginástica), Atividade Física e Saúde que contempla o Diabetes em Movimento, o Programa de Reabilitação Respiratória de Proximidade e Combate à Obesidade. Estes três últimos em parceria com a ACES do Sotavento.

As iniciativas Todos a Caminhar e Combate à Obesidade são transversais a todos os programas.

A primeira consiste em marchas corridas, todos os domingos, pelas diferentes freguesias do concelho.

A autarquia, em colaboração com o ACES do Sotavento (ARS), dinamiza o projeto Combate à Obesidade, o qual consiste na avaliação, acompanhamento e encaminhamento dos utentes, a partir dos três anos, para os diferentes projetos de atividade física.

Inseridos no programa Crescer em Movimento encontram-se os seguintes projetos:

- Infantários em Movimento: alunos do ensino pré-escolar

- Escola Ativa: alunos dos 1.º, 2.º e 3º ciclos do ensino básico com problemas de obesidade ou sedentarismo

- Desportiv@mente: destinado aos utentes de instituições de solidariedade social como GATO, CAIC e Porta Amiga

Ao dinamizar este Plano é objetivo da edilidade, juntamente com as diferentes entidades parceiras, baixar os níveis de inatividade física, em todo o ciclo de vida, e proporcionar uma oferta desportiva diversificada e gratuita.

Em Tavira, o Desporto é com Todos e Para Todos!

Fonte: Mun de TaviraAtividadeFisicaTavira

Parceiros

Mais Kizomba
UF Faro
Gente Gira Algarve
LOGOTIPO_Small
Faro 1540
Pens USB